IBGE: Amazonas e São Paulo elevam produção industrial

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 13 de janeiro de 2005 as 12:21, por: cdb

A produção industrial brasileira cresceu pelo quarto mês seguido em todas as 14 regiões pesquisadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em novembro, em relação a igual período de 2003, embora em ritmo menor. No acumulado do ano, Amazonas e São Paulo foram os destaques, puxando um crescimento acumulado que já é o maior desde a implantação do real, em 1994.

Tomando o mês de novembro isoladamente, a maior taxa de crescimento foi apurada na Bahia, de 30,5%. Em seguida veio outro Estado do Nordeste, o Ceará, com 20,2%, e depois o Paraná, com 15,5%. Em São Paulo, a alta foi de 10,2%.

No acumulado do ano, a produção também é positiva em todos os 14 locais pesquisados. Os destaques ficaram por conta do Amazonas e de São Paulo, com elevações de, respectivamente 12,9% e 11,9%. No começo da semana, o IBGE informou que a produção industrial brasileira retraiu-se em 0,4% em novembro sobre outubro, e subiu 8,1% contra novembro de 2003, o melhor desempenho pelo menos desde a implantação do real, em 1994.