Hamas e Fatah adotam novo cessar fogo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 2 de fevereiro de 2007 as 19:13, por: cdb

O grupo Hamas, que controla o Parlamento palestino, e o grupo rival, o Fatah, concordaram nesta sexta-feira em adotar um novo cessar fogo, depois do colapso de uma trégua de três dias. O anúncio foi feito depois que representantes do Hamas e do Fatah tiveram um encontro no consulado do Egito na Faixa de Gaza.

Apenas nas últimas 24 horas, pelo 20 pessoas morreram em Gaza em novos confrontos entre membros dos dois grupos.

Representantes palestinos disseram nesta sexta-feira que o presidente da Autoridade Palestina e líder do Fatah, Mahmoud Abbas, e o líder do Hamas no exílio, Khaled Meshaal, devem se reunir na Arábia Saudita na próxima terça-feira para tentar negociar um fim permanente para a violência.

Os mais recentes choques ocorreram no mesmo dia em que mediadores do chamado Quarteto (União Européia, ONU, Estados Unidos e Rússia) tinham uma reunião marcada em Washington para discutir o embargo ocidental contra o Hamas e o processo de paz com Israel.

Na quinta-feira militantes do Hamas fizeram uma emboscada contra um comboio que levava equipamentos para as forças de segurança aliadas do Fatah. Seis pessoas morreram no tiroteio, levando a mais confrontos na Faixa de Gaza.

Nesta sexta-feira dois membros do serviço secreto palestino foram mortos em um tiroteio com atiradores do Hamas. Dois militantes do Hamas também foram mortos durante o confronto, segundo fontes do hospital e do próprio grupo.

Combatentes do Hamas atacaram uma base militar usada por guardas leais a Mahmoud Abbas. E dezenas de combatentes do Fatah cercaram o Ministério do Interior, chefiado pelo Hamas.