Guerra e recessão mantêm dólar em alta nesta segunda-feira

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 1 de outubro de 2001 as 09:33, por: cdb

A ameaça de guerra no Afeganistão e a recessão mundial, com reflexos claros no Brasil, fazem desta segunda-feira, início do mês de outubro, a de grande cautela do mercado interbancário de câmbio. As recentes medidas do governo contra a escalada do dólar começam a vigorar, reduzindo a disponibilidade de recursos dos bancos e a necessidade de “hedge” das empresas.

Mas os analistas praticamente descartam quedas expressivas do dólar, levando em conta a ameaça de guerra e recessão. Além disso, cotações mais altas estimulam as exportações.

Na sexta-feira, o dólar comercial fechou em baixa de 0,18%, cotado a R$ 2,67 na ponta de venda. Em setembro, o dólar teve alta de 4,01%.