Greve dos metroviários gera transtornos ao paulistano

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 17 de junho de 2003 as 17:32, por: cdb

A greve dos metroviários continua provocando muita lentidão no trânsito das principais ruas e avenidas da região central desta capital.

De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), há pouco foi registrado 34 quilômetros de congestionamento, movimento considerado acima do normal para este horário.

Mas a previsão é que o congestionamento cresça à medida que for se aproximando o horário de pico da tarde. Pela manhã, os congestionamentos chegaram a ter 122 quilômetros.

No Tribunal Regional do Trabalho (TRT) prossegue a tentativa de acordo entre a companhia do Metrô e o sindicato da categoria, que insiste no reajuste de 18,13%, mas que deve levar para a assembléia dos funcionários, às 18h, o resultado da reunião de conciliação.

Na assembléia deverá ser avaliada a contraproposta de um aumento de salário de 14% sobre o vencimento de abril, mais 4% em novembro, além de um abono em duas parcelas de 8%, uma a ser paga em agosto e a outra em fevereiro do próximo ano.

Em decorrência da paralisação, 2,6 milhões de passageiros foram prejudicados por não poder utilizar o serviço do Metrô.