Greve de transporte em BH prejudica seis mil usuários

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 14 de março de 2003 as 15:15, por: cdb

Motoristas e cobradores de ônibus de Belo Horizonte devem avaliar, nos próximos dias, em assembléia, nova proposta de reajuste salarial feita pelas empresas de transporte coletivo.

Os rodoviários estão promovendo nesta sexta-feira mais um dia de paralisação. A greve atinge nove linhas de ônibus prejudicando cerca de seis mil usuários.

A proposta foi feita em audiência, esta sexta-feira, durante reunião entre patrões e empregados no Tribunal Regional do Trabalho e prevê o parcelamento do aumento em dois reajustes de 16,33%. O primeiro, relativo à fevereiro, seria pago em junho. O segundo, relativo a março, seria pago na folha de julho. O tíquete-alimentação também teria aumento de 16,33%.