Gravação do discurso de Ricardo Teixeira aconteceu por descuido

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 26 de agosto de 2001 as 16:18, por: cdb

Esta desfeito o mistério. A gravação da reunião entre os dirigentes de 26 federações estaduais com o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, foi feita através do celular do presidente da Federação Gaúcha, Emídio Perondi.

A explicação é a mais inusitada possível. Segundo Perondi, durante a reunião, o repórter José Alberto Andrade, da Rádio Gaúcha, ligou para seu celular pedindo uma opinião sobre outro assunto. O dirigente disse que, ao constatar que a ligação não era de número conhecido, apertou um botão para desligar o aparelho. Acidentalmente, teria deixado o telefone ligado. “Estava com o telefone ligado porque meu sogro está muito doente”, justificou.

Surpreso, o repórter da Rádio Gaúcha percebeu que Teixeira discursava. “Ouvi ao fundo a voz de Ricardo Teixeira e tratei de gravar”, contou José Alberto, que também é correspondente da Revista Placar.

Perondi admitiu a gafe, mas acha que Ricardo Teixeira o perdoará porque não se falou nada de mais na reunião.