Governo tem 1,204 milhão de toneladas de milho em estoque

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 30 de setembro de 2003 as 19:11, por: cdb

O governo já conseguiu formar um estoque de 1,204 milhão de toneladas de milho, graças aos leilões de contrato de opção do produto iniciados em março e encerrados em agosto deste ano. A informação é do secretariao de Política Agricola do Ministério da Agricultura, Ivan Wedekim.

Do total estocado 1,108 milhão de toneladas foram entregues a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), pelos produtores que exerceram as opções. Wedekim informou ainda, que o governo colocou 1,735 milhão de toneladas no mercado de opções, sendo que 140 mil foram repassadas para as regiões Norte e Nordeste.

Outras 143 mil toneladas, que tem exercício vencendo em novembro, ainda estão pendentes e, 343 mil não foram exercidas pelos produtores. Ele informou que novos leilões de milho poderão ser retomados no próximo ano.

O secretario está ótimista, quanto aos resultados da próxima safra de milho, apesar do avanço da soja. “O plantio de milho caminha cada vez mais para a segunda safra. Grandes produtores de soja do Mato Grosso, por exemplo, terminarão de colher e plantão milho safrinha entre janeiro e fevereiro”.

A última safra de milho atingiu um recorde de 47 milhões de toneladas. A colheita do milho safrinha foi de 11 milhões de toneladas. O volume destinado a exportação, até 21 de setembro, foi de 2,255 milhões de toneladas, mas os compromissos já ultrapassam 3 milhões de toneladas até o final do ano, garantiu o secretário.