Governo quer elevar idade mínima para aposentadoria

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 15 de março de 2003 as 08:49, por: cdb

O ministro da Previdência, Ricardo Berzoini, afirmou nesta sexta-feira ser favorável à elevação da idade mínima para a aposentadoria do servidor público, atualmente de 48 anos para as mulheres e 53 anos para os homens. Para ele, esse limite de idade não condiz com a atual expectativa de vida dos brasileiros.

O ministro disse que a referência que está sendo usada é de 55 anos para a mulher e 60 anos para o homem, durante reunião com o Conselho Nacional dos Dirigentes dos Regimes Próprios de Previdência.

Outro ponto avaliado pelo ministro foi que o grau de comprometimento de alguns Estados com o pagamento dos aposentados e pensionistas é muito elevado, o que dificulta a adoção de um sistema em que haveria a combinação entre tempo de contribuição e carência para solicitar a aposentadoria.

A possibilidade de combinar o tempo de contribuição com a carência, e não simplesmente dobrar a carência, foi apresentada nesta sexta-feira a Berzoini durante reunião, segundo informações de assessores do ministro. Berzoini disse que devem ser observadas na reforma quatro variáveis: a pensão, o benefício líquido, a questão da carência duplicada e a regra permanente de idade.

Ainda de acordo com a assessoria do ministro, Berzoini disse que as propostas e sugestões poderão ser encaminhadas ao Ministério da Previdência até a véspera do envio para o Congresso e, se forem boas, poderão ser aproveitadas.

“Não quero estabelecer datas, porque estou ouvindo muita coisa interessante”, afirmou.