Governo do Rio destaca ação da polícia para evitar mais violência na Rocinha

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 13 de abril de 2004 as 12:21, por: cdb

O governo do estado do Rio divulgou nota oficial sobre a ação das polícias militar e civil nos morros da Rocinha e Vidigal. Segundo a nota, “não fosse a ação enérgica e preventiva da Polícia Militar na madrugada da última sexta-feira, bloqueando mais de dez comboios de criminosos oriundos de várias favelas em direção àquela região (Rocinha) teria havido uma tragédia ainda maior”.

A nota informa ainda que o secretário Nacional de Segurança Pública, Luiz Fernando Corrêa, participará da reunião do Gabinete de Gestão de Segurança Integrada para avaliar o controle da situação, marcada para hoje, às 15 horas.

Até agora a Polícia apreendeu 28 armas de fogo, entre elas três fuzis, duas granadas, além de diversos rádios-transmissores. Os policiais recuperaram ainda 15 veículos roubados. O comandante-geral da PM, coronel Renato Hottz, informou que a polícia continuará ocupando os pontos considerados estratégicos na região.

A nota também faz referência às declarações do prefeito César Maia sobre o assunto. “Quanto às declarações estapafúrdias e irresponsáveis do prefeito César Maia, intrometendo-se em áreas impróprias e de preservação ambiental, basta lembrar que desde a primeira gestão do prefeito até hoje, a área da Rocinha expandiu-se em quase 20%, sem nenhum controle por parte da municipalidade.O assunto de segurança pública é sério e não deve ser tratado de forma oportunista. Merece, sim, a união de todos, governos federal, estadual e municipal e dos cidadãos que desejam a vitória contra a criminalidade”.