Governo de transição diz que Bin Laden está no Paquistão

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 27 de dezembro de 2001 as 16:49, por: cdb

O Ministério da Defesa do Afeganistão anunciou que o dissidente saudita Osama Bin Laden fugiu para o Paquistão. Segundo o porta-voz do ministério, Mohamad Habeel, suspeita-se que Bin Laden esteja sob proteção de uma organização islâmica extremista do país liderada por Maulana Fazalur Rehman. Já Rehman, que está em prisão domiciliar, classificou as especulações de “piada”.

O anúncio do governo de transição afegão foi feito no dia seguinte à divulgação de trechos de um vídeo de Bin Laden, pela rede de TV Al-Jazeera, baseada no Catar. A divulgação do vídeo, no qual Bin Laden acusa os Estados Unidos de perseguição ao islamismo e condena a ofensiva militar no Afeganistão, foi criticada pela Casa Branca e pelo governo interino afegão.

Na gravação, Bin Laden também diz que os atentados de 11 de setembro aos Estados Unidos, que mataram mais de 3.000 pessoas em Nova York e Washington, tinham como objetivo acabar com o apoio do país a Israel. O porta-voz do Ministério da Defesa afegão, Mohammed Habeel, defendeu os ataques americanos ao Afeganistão, negando que eles tenham sido uma ação contra o Islã, como disse Bin Laden, sendo que a Casa Branca, por sua vez, classificou o conteúdo da gravação de “propaganda terrorista”.