Governo dá início à segunda fase do cartão alimentação

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 26 de maio de 2003 as 17:40, por: cdb

O governo federal deu início hoje à segunda fase de expansão do cartão alimentação. A partir de agora, o Programa Fome Zero passa a atender mais 192 municípios de todo o Nordeste e do norte de Minas Gerais que, em julho, vão receber da Caixa Econômica Federal o benefício de R$ 50,00 do cartão alimentação. Esse mês, o programa Fome Zero alcançou 87 municípios.

No mês de junho, a meta é de que alcance 193 e em julho, chegue a um total de 395 localidades beneficiadas pelas ações de combate à fome e pobreza estabelecidas pelo governo. Segundo o secretário do Programa Comunidade Solidária, José Giácomo Baccarin, o governo espera atingir, até o mês de outubro, todos os municípios com menos de 60.000 habitantes que fazem parte do semi-árido brasileiro, resultando num total de 1.098 municípios. – Acreditamos que, até o final do ano, o programa atenda, em média, de 1 a 1,5 milhão de famílias que terão acesso ao cartão alimentação – afirmou Baccarin.

Até lá, o governo calcula que serão gastos mais de R$ 50 milhões. O cartão alimentação viabiliza também algumas ações estruturais, como a alfabetização de jovens e adultos e a construção de cisternas com uma tecnologia adequada para a reserva de água e consumo doméstico, implementadas no semi-árido através de parcerias entre o Ministério Extraordinário de Segurança Alimentar, o Ministério da Educação e organizações não governamentais.