Governo cria linhas de financiamento para material de construção

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 9 de outubro de 2003 as 15:33, por: cdb

Pessoas de baixa e média renda podem contar com mais uma linha de crédito para comprar materiais de construção. A nova forma de financiamento, criada com recursos do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), já está disponível no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal.

O ministro do Trabalho, Jaques Wagner, disse que a intenção é gerar empregos e diminuir a carência de habitação no país, que hoje é de mais de 6 milhões. A estimativa é que sejam gerados 40 mil novos empregos nas lojas do ramo, sem contar os novos postos de trabalho que devem surgir no setor de construção.

Para os correntistas do Banco do Brasil, o crédito varia de R$ 100 a R$ 10 mil e pode ser pago em até 24 meses. A taxa de juros é de 1,98% ao mês. O crédito já está pré-aprovado, de acordo com o limite de cada cliente. O acesso ao financiamento é fácil. Ele é obtido diretamente nas lojas de material de construção. Para isso, basta que o cliente use o cartão de débito automático do banco.

Já a linha de crédito da Caixa destina-se às pessoas com renda mensal de até R$ 4,5 mil. Não é preciso ter conta na Caixa. O limite de financiamento varia de R$ 5 mil a R$ 12 mil, para compra de material para construir ou reformar imóveis avaliados em até R$ 80 mil. A base de cálculo dos juros é feita pela Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), mais 9,70% ao ano. O pagamento pode ser feito em até 96 meses.