Governo britânico vai mandar mais de mil soldados ao Afeganistão

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de fevereiro de 2007 as 21:57, por: cdb

Um contingente extra de mais de mil soldados britânicos será enviado ao Afeganistão. O Ministro da Defesa da Grã-Bretanha, Des Browne, deve anunciar detalhes sobre o reforço militar no país no Parlamento britânico na segunda-feira. A Grã-Bretanha tem relutado em aumentar sua força de 5,6 mil soldados no país.
 
O Partido Conservador, o principal da oposição na Grã-Bretanha, disse que as forças britânicas estão sobrecarregadas demais para cumprir com suas obrigações no Iraque e no Afeganistão.

A iniciativa ocorre logo depois de o governo britânico anunciar que retirará 1,6 mil soldados do Iraque.

Na quinta-feira, autoridades britânicas anunciaram que o regimento integrado pelo príncipe Harry, terceiro na linha de sucessão do trono, será enviado ao Iraque. O príncipe deve participar da missão.

As forças britânicas no Afeganistão fazem parte da Força Internacional de Assistência da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte).

Comandantes da Otan e da Grã-Bretanha disseram, no passado, que são necessários mais recursos para que o Talebã seja derrotado.

Mas, até, agora o governo britânico vinha argumentando que países como a França e a Alemanha deveriam contribuir mais para a força internacional.