Governo alerta para chuvas fortes em todo o país

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 18 de janeiro de 2005 as 11:00, por: cdb

 A Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional faz alertas meteorológicos para os Estados do Norte, Sudeste, Centro-Oeste e Distrito Federal a fim de prevenir contra a ocorrência de chuvas e ventos fortes e raios. Nesta segunda-feira foi registrada a primeira morte em Timóteo, no Vale do Aço, em Minas, em conseqüência das chuvas.

Segundo a meteorologista da Sedec, temporais deverão atingir, nesta terça, áreas isoladas dos Estados da região Sudeste. Novas áreas de instabilidade originadas no Paraguai juntam-se à frente fria que está sobre a região para provocar chuva forte, a partir de quarta, principalmente no centro-Sul de Minas Gerais e no Triângulo Mineiro, no centro-Sul do Rio de Janeiro e em todo o Estado de São Paulo.

Pelo menos 800 pessoas continuavam desabrigadas nesta terça-feira, em Raposos, a 30 quilômetros de Belo Horizonte, na região metropolitana, depois que uma chuva de aproximadamente 20 minutos provocou a inundação do Ribeirão do Prata, que corta a cidade. O rio, de acordo com o Corpo de Bombeiros, chegou a subir até quase sete metros. Seis pessoas que ficaram ilhadas foram resgatadas no helicóptero da Polícia Militar. A prefeitura decretou Estado de Emergência.

Centro-Oeste

Moradores do Distrito Federal, de Goiás e do Mato Grosso também poderão conviver com pancadas de chuvas e temporais até a próxima sexta-feira. Em áreas localizadas dessas três Unidades da Federação é provável que chova forte, com raios e ventos de até 60 km/h.

Conforme previsão da meteorologista da Sedec, Cristina Lourenço, na Região Norte, hoje os habitantes do centro, sul e oeste do Amazonas e do centro e norte de Rondônia enfrentarão chuvas de forte intensidade. O tempo instável nessa parte do País tem a ver com áreas de instabilidade que facilitam a formação de nuvens carregadas.