Geninho diz estar bem próximo do Fla

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 14 de outubro de 2003 as 19:03, por: cdb

O técnico Geninho espera decidir seu futuro ainda nesta terça-feira. Em entrevista à Rádio Brasil, o provável substituto de Oswaldo de Oliveira diz que está com meio caminho andado em direção à Gávea, mas revela que há empecilhos na estrada.

“Diria que estou 50 por cento perto do Flamengo. A conversa foi iniciada, mas há coisas a acertar. No momento, estou indo para Santos, onde vou conversar com minha família. Sofri desgaste muito grande na passagem pelo Corinthians e vou ter de convencê-la de que estou voltando a trabalhar antes do previsto. Depois, farei novo contato com os dirigentes do Flamengo”, relata.

Mesmo que os familiares dêem sinal verde, outros entraves podem emperrar a negociação. “Passei à diretoria do Flamengo o patamar financeiro em que vinha trabalhando, tanto no Atlético Mineiro quanto no Corinthians. Ficamos de encaminhar as coisas de forma mais profunda ainda hoje”, revela.

Enquanto o novo técnico não é anunciado, a nau segue à deriva no Flamengo. “Não passaram nada para a gente hoje. Houve apenas um treino físico pela manhã e os jogadores não sabem o que vai acontecer”, diz o atacante Jean, expondo o sentimento do grupo rubro-negro.

No domingo à noite, Oswaldo de Oliveira afirmou que não recebera salários desde sua contratação pelo Flamengo. Nesta manhã, o presidente Hélio Ferraz se enrolou ao contestar a declaração.

“Ele recebeu todos os meses. Apenas julho e agosto que recebeu apenas a metade, além de setembro, que não está pago. Ele devia estar emocionado pela vitória e, por isso, acabou se confundindo”, disse ironicamente Ferraz, esquecendo-se de que Oswaldo chegou à Gávea no dia 18 de julho.