Gasto de brasileiros no exterior será mais moderado em 2012, avalia chefe do BC

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 24 de janeiro de 2012 as 12:41, por: cdb

Kelly Oliveira
Repórter da Agência Brasil

Brasília – A expansão dos gastos de brasileiros em viagens ao exterior será mais moderada este ano, segundo avaliou o chefe do Departamento Econômico do Banco Central (BC), Tulio Maciel.

Em 2011, essas despesas registraram o recorde de US$ 21,234 bilhões, de acordo com dados divulgados hoje (24) pelo BC. Com esse resultado mais as receitas deixadas por estrangeiros no país (US$ 6,775 bilhões), o saldo negativo da conta de viagens internacionais chegou a US$ 14,459 bilhões, em 2011. Para este ano, a previsão do déficit é de US$ 14,5 bilhões.

Os dados preliminares deste mês, até hoje, mostram que os brasileiros gastaram no exterior US$ 1,293 bilhão. As receitas de estrangeiros em viagem no Brasil estão em US$ 450 milhões.

Segundo Maciel, as despesas de brasileiros no exterior foram influenciadas pela continuidade do crescimento da economia e da renda, mas, a partir de agosto, com a alta do dólar, começou o período de moderação no crescimento desses gastos. “A principal influência, sem dúvida, é o comportamento da taxa de câmbio”, destacou.

 

 

Edição: Lílian Beraldo