GAM depõe armas na Indonésia

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 27 de dezembro de 2005 as 16:31, por: cdb

O Movimento para a Libertação de Aceh (GAM) anunciou, nesta terça-feira, a dissolução de seu braço armado, após uma reunião com o presidente indonésio, Susilo Bambang Yudhoyono, na qual as duas partes certificaram a entrega de todas as armas rebeldes. O anúncio representa um passo importante no histórico processo de paz na região, uma das mais afetadas pelo tsunami de 26 de dezembro de 2004.

O procedimento rumo à pacificação foi impulsionado com a assinatura, em agosto, em Helsinque (Finlândia), do tratado de paz entre o governo da Indonésia e os rebeldes do Movimento de Libertação de Aceh (GAM), pondo fim a um conflito armado de mais de 29 anos. Com a entrega das 840 armas do GAM, como previsto no acordo de paz, o Exército indonésio deve retirar suas últimas tropas da província até 29 de dezembro.

O tratado redistribui a riqueza obtida com os recurso da região, em benefício da economia local, rica em recursos como gás natural e florestas, e de grande potencial turístico.

– Em nome do GAM tenho a honra de anunciar que as Forças Armadas Nacionais de Aceh (TNA) foram desmobilizadas e desarmadas – declarou Sofyan Daud, porta-voz do GAM, em uma coletiva de imprensa.