Furlan: ‘Selic deve chegar a um dígito até 2006’

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 19 de junho de 2003 as 19:47, por: cdb

O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Luiz Fernando Furlan, disse que a taxa Selic poderá chegar a apenas um dígito até o final deste governo, em 2006.

A declaração foi dada no seminário Criando uma Parceria Bilateral para o Crescimento Econômico, promovido pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos, em Washington, nesta quinta-feira. As informações são da Agência Estado.

– Imagino uma taxa de juros de um dígito ainda neste governo – afirmou Furlan.

– Se a variação da inflação se mantiver entre 4% e 5% ao ano, o que é perfeitamente possível, será possível baixar a Selic para 5%. Por que o Brasil tem de ser tão diferente do México e da Rússia nessa área se é tão parecido com eles? – completou.

Furlan desembarcou na manhã desta quinta-feira em Washington. Ainda nesta noite, se junta à comitiva de 15 ministros que acompanha o presidente Luiz Inácio Lula da Silva em seu encontro com o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush.