Fogo deixa 80 desabrigados na comunidade Paraisópolis, em São Paulo

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 30 de novembro de 2012 as 12:43, por: cdb
Fogo começou por volta das 7h e foi controlado pouco mais de uma hora depois

Considerada a maior favela de São Paulo e alvo de ocupação pela Polícia Militar a um mês, a favela Paraisópolis teve parte de seus barracos destruída nesta sexta-feira durante um incêndio. Quarenta barracos pegaram fogo e cerca de 80 pessoas estão desabrigadas.

Esse é o 38º incêndio do ano em favelas de São Paulo. A recorrência dos casos levanta suspeitas sobre destruição criminosa para abrir espaço a grandes empreendimentos imobiliários ou intervenções urbanas. Uma CPI foi instalada em abril na Câmara Municipal para investigar o caso, mas produziu muito pouco até agora.

De acordo com a Defesa Civil, ninguém ficou ferido no incêndio de hoje. Uma senhora precisou ser encaminhada ao pronto-socorro porque inalou fumaça.

O fogo começou por volta das 7h, na Rua Doutor Jeronimo de Campos Freire, na altura do número 100. O Corpo de Bombeiros enviou ao local 18 carros e um helicóptero. Por volta das 8h15, o fogo estava controlado e os bombeiros começaram o trabalho de rescaldo.

Comments are closed.