Fluminense e Lusa precisam da vitória

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 14 de novembro de 2002 as 00:06, por: cdb

A partida Fluminense x Portuguesa desta quinta-feira à noite, no Maracanã, será um encruzilhada para os dois times. Somente a vitória mantém o sonho de classificação do Tricolor para a próxima fase do Brasileiro. Já a Portuguesa verá o fantasma do rebaixamento para a segunda divisão bem de perto, caso deixe o campo de jogo derrotado pelo adversário.

Após duas derrotas consecutivas, para Palmeiras e Paysandu, o Fluminense precisa de seis pontos para chegar a 40 e manter as chances de disputar a segunda fase. “Temos a obrigação de fazer a nossa parte, que é ganhar da Portuguesa e da Ponte Preta”, afirmou o goleiro Kléber.

Para o alívio do técnico Renato Gaúcho, o Fluminense terá os reforços de Romário, Beto e do volante Marcão, que estavam machucados. “São jogadores extremamente importantes, que fazem diferença dentro de campo e fora dele, como motivação”, disse o treinador.

Por outro lado, o Tricolor continua sem contar com o lateral-direito Flávio, o volante Fabinho e o meia Fernando Diniz, lasionados. Assim, Beto será recuado e jogará como segundo homem de meio-campo, enquanto Yan e Zada compõem o setor.

Renato conta também com o apoio da torcida para ficar a apenas um passo da classificação. “É agora ou nunca. É neste momento que mais precisamos de incentivo. Peço aos torcedores que compareçam em massa no Maracanã”.

Com 27 pontos e ocupando o 20o lugar, a grande motivação da Portuguesa será o técnico Gilson Nunes, contratado para substituir Edu Marangon após a derrota para o Flamengo. Apesar de ter pouco tempo para trabalhar, o treinador prometeu mexer com os brios dos jogadores na base da conversa.

“Vou fazer tudo que for possível para manter a equipe na primeira divisão em 2003. Tenho conversado muito com o grupo. O mais importante é mantermos a tranqüilidade para não colocar tudo a perder”, alertou Gilson Nunes.

O atacante Ricardo Oliveira tem um motivo a mais para impedir que o time seja rebaixado. Na última terça-feira ele foi convocado por Zagallo para integrar a Seleção Brasileira no amistoso contra a Coréia do Sul, no próximo dia 20.

“Fiquei muito feliz com essa convocação, mas só ficarei totalmente satisfeito depois que nos afastarmos de vez do perigo de cair para a Segundona. O Gilson Nunes é um profissional capacitado e acredito que poderemos vencer o Fluminense”, disse o artilheiro da Lusa.

O principal desfalque da Portuguesa é o meia Alex Alves, que está machucado. Três jogadores disputam a posição: Éder, Alexandre Gaúcho e Édson Araújo. Outra mudança no meio-campo é a saída de Léo, barrado, para a entrada de Jamir.
A boa notícia é a recuperação do volante Sandro Fonseca, recuperado de contusão.

FLUMINENSE x PORTUGUESA

Data: 14/11/2002 (quarta-feira)
Local: Maracanã
Horário: 20h30m
Juiz: Luciano Augusto Almeida (Fifa/DF)
TV: pay-per-view
Ingressos: Cadeiras especiais a R$ 25; cadeiras brancas, R$ 15; cadeiras amarelas e verdes, R$ 10; cadeiras comuns, R$ 5; e geral, R$ 3

Fluminense
Kléber; Jancarlos, César, Andrei e Alonso; Marcão, Beto, Zada e Yan; Roni e Romário
Técnico: Renato Gaúcho

Portuguesa
Bosco; Ricardo Lopes, Júnior, César e Júlio; Rocha, Sandro Fonseca, Jamir e Éder (Alexandre Gaúcho ou Édson Araújo); Cléber e Ricardo Oliveira.
Técnico: Gilson Nunes