Fluminense e Bahia tentam recuperação

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 19 de outubro de 2002 as 17:32, por: cdb

Empatados em números de pontos (21) na tabela do Campeonato Brasileiro, Bahia e Fluminense se enfrentam na tarde deste domingo, no Maracanã, com a esperança de seguir na briga pela classificação à segunda fase. O time carioca, porém, tem a vantagem de ter disputado somente 16 jogos, dois a menos que rival baiano.

Para o técnico Renato Gaúcho, isso deverá motivar o adversário ainda mais. “Apesar de termos o mesmo número de pontos, o Bahia está numa posição perigosa, pois já jogou 18 vezes. Eles precisam da vitória para não correr o risco de voltar à zona de rebaixamento. Mas é um time que vem subindo de produção e acho que será uma partida difícil”, disse o treinador.

Ainda sem contar com o meia Beto, machucado, Renato deve escalar o Fluminense no esquema 4-3-3, com Roni compondo o ataque ao lado de Magno Alves e Romário. Caso ele opte pelo 4-4-2, Zada será escalado no meio-de-campo.

Outra dúvida no Tricolor carioca é o zagueiro Válber, que sofreu um estiramento na coxa direita durante o coletivo de sexta-feira. Segundo os médicos do clube são poucas as chances de o jogador se recuperar até domingo. Portanto, Andrei deverá formar a dupla de zaga com César.

Pelo Bahia, o clima é de muito otimismo. Após uma seqüência de cinco rodadas sem ganhar, o time conseguiu sair da zona de rebaixamento vencendo nas duas últimas rodadas – 5 x 3 sobre o Atlético-MG e 2 x 1 sobre a Ponte Preta.

“Fomos muito bem nessas últimas partidas e, se repetirmos as atuações, não corremos mais o risco de cair para a Segunda Divisão. De repente, dá até para ficar entre os oito classificados”, disse o meia Ramalho.

O Tricolor Baiano terá apenas uma mudança em relação à vitória sobre a Macaca: o zagueiro Marcelo Souza, que levou o terceiro cartão amarelo e será substituído por Acioly. Nos lugares dos meias Bebeto Campos, que continua suspenso, e Ramos, ainda machucado, o técnico Candinho manterá Carlinhos e Jair.

FLUMINENSE x BAHIA

Data: 20/10/2002 (domingo)
Local: Maracanã
Horário: 16 horas
Juiz: Carlos Eugênio Simon (RS)
TV: o jogo será transmito através do sistema pay-per-view
Ingressos: Cadeiras especiais a R$ 25, cadeiras brancas a R$ 15, cadeiras amarelas e verdes a R$ 10, cadeiras comuns a R$ 5, e geral a R$ 3

Fluminense
Kléber; Flávio, César, Andrei e Alonso; Fabinho, Marcão e Fernando Diniz; Roni (Zada), Magno Alves e Romário
Técnico: Renato Gaúcho

Bahia
Émerson; Daniel, Acioly, Valdomiro e Calisto; Ramalho, Carlinhos, Jair e Geraldo; Nonato e Robson.
Técnico: Candinho