Flu vence o Timão no Pacaembu

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado domingo, 3 de novembro de 2002 as 17:32, por: cdb

O Fluminense levou a melhor na partida que serviu de teste para o Código de Defesa do Torcedor, elaborado pelo Ministério do Esporte e Turismo. Com gols de Andrei e Roni, o Tricolor carioca derrotou o Corinthians por 2 x 0, em pleno Pacaembu.

Com a vitória, o Fluminense chega aos 34 pontos, sobe para sétima colocação e entra definitivamente na zona de classificação. Por outro lado, o time de Parque São Jorge desperdiçou a chance de alcançar a vaga antecipadamente. Apesar da derrota, o Timão se mantém na quarta colocação com 38 pontos.

O primeiro tempo do clássico regional foi o dos sonhos do técnico Renato Gaúcho. Apesar de estar desfalcado do atacante Romário, o Fluminense jogou como se estivesse em pleno Estádio do Maracanã. Tranqüilo em campo e sem cometer erros, o Tricolor carioca atuou com precisão nos contra-ataques.

Por outro lado, o Corinthians, como havia acontecido na vitória sobre a Ponte Preta também no Pacaembu, não conseguia passar pela defesa do Fluminense. Durante toda a etapa inicial, os comandados por Carlos Alberto Parreira tiveram maior tempo de posse de bola, mas pecavam nas finalizações contra o gol de Kléber.

Na melhor chance, Deivid recebeu bola livre na entrada da área, aos 41 minutos, mas chutou sem direção. Para piorar, o atacante Guilherme reeditava uma péssima partida, como também aconteceu contra a Macaca.

Já o Fluminense mostrava uma paciência fora do comum. A tática funcionou aos 29 minutos, quando Andrei cobrou falta com precisão e abriu o placar. O gol sofrido mexeu com a equipe corintiana. Os erros sucessivos custaram caro aos paulistas apenas 12 minutos mais tarde. Roni driblou Scheidt e chutou no canto esquerdo de Dôni.

O panorama da partida não mudou na etapa final. O Fluminense recuado e esperando para jogar no contra-ataque, enquanto o Corinthians tentava de todas as maneiras chegar, pelo menos, ao empate.

CORINTHIANS 0 x 2 FLUMINENSE

Corinthians
Doni; Rogério, Fábio Luciano, Scheidt e Kléber; Vampeta (Fabrício), Fabinho e Renato (Juliano); Deivid (Marcinho), Guilherme e Gil.
Técnico: Carlos Alberto Parreira

Fluminense
Kleber; Flávio (Jean Carlos), Andrei (Rodolfo), Zé Carlos e Alonso; Augusto, Sidnei (Maciel), Beto e Zada; Roni e Magno Alves
Técnico: Renato Gaúcho

Data: 03/10/2002 (domingo)
Horário: 16h
Local: Pacaembu, em São Paulo
Juiz: Heber Roberto Lopes (PR)
Cartão amarelo: Sidnei (Fluminense); Vampeta (Corinthians)
Cartão vermelho:
Gols: Andrei, aos 29 min, e Roni, 41 do primeiro tempo.