Flu vai com cautela contra o Azulão

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 26 de novembro de 2002 as 23:15, por: cdb

Apesar da vantagem obtida na vitória de 3 x 0 no Maracanã, domingo passado, sobre o São Caetano, o Fluminense vai usar a humildade como arma no jogo de volta das quartas-de-final do Campeonato Brasileiro contra o Azulão, na noite desta quarta-feira, no estádio Anacleto Campanella, no município do ABC Paulista.

Ao final da partida de domingo, ainda no vestiário, o discurso dos jogadores e do técnico Renato Gaúcho já era de humildade e respeito ao adversário. “Ainda faltam noventa minutos para que seja decidido quem ficará com a vaga. Ainda não ganhamos nada”, disse o treinador.

A preocupação de Renato é que não se repita a decepção de 1995, quando ainda era jogador. Na ocasião, o Tricolor venceu o Santos por 4 x 1 no Rio, pela semifinal do Brasileiro daquele ano, mas perdeu por 5 x 2 em São Paulo e foi eliminado.

É bom mesmo que o treinador tenha passado todas as informações necessárias para os jogadores, pois não estará na beira do campo para comandar o time. Ele foi punido com 20 dias de suspensão por ter sido expulso na derrota de 2 x 1 para o Paysandu. O seu auxiliar Ricardo Rocha será o substituto.

Renato tem o time definido, mas não vai revelar a escalação até minutos antes do início do jogo. O mais provável é que ele utilize o esquema 3-5-2, com Andrei, recuperado de uma amidalite, compondo a zaga ao lado de César e Zé Carlos. O meia Zada, que estava suspenso, retorna no lugar de Yan.

Já o técnico Mário Sérgio terá de escalar o São Caetano de maneira ofensiva para reverter a desvantagem. O time paulista precisa vencer por dois gols de diferença, no mínimo, para seguir na disputa do Brasileiro.

A alteração no time em relação ao jogo no Maracanã fica por conta da volta do zagueiro Daniel, recuperado de lesão, no lugar de Serginho. O treinador poderá também escalar o meia Adãozinho no meio-campo, para dar mais força ao ataque.

SÃO CAETANO x FLUMINENSE

Data: 27/11/2002 (quarta-feira)
Local: Anacleto Campanella, em São Caetano
Horário: 21h40m
Juiz: Eder Roberto Lopes (PR)
TV: A Rede Globo transmite ao vivo

São Caetano
Sílvio Luís; Marlon, Daniel, Dininho e Lúcio; Fábio Santos, Magrão, Claudecir e Adãozinho; Robert e Adhemar
Técnico: Mário Sérgio

Fluminense
Kléber; César, Zé Carlos e Andrei; Flávio, Marcão, Beto, Zada e Marquinhos; Roni e Magno Alves
Técnico: Renato Gaúcho