Fla x Flu para gringo ver

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 5 de setembro de 2002 as 00:57, por: cdb

O Flamengo venceu o clássico com o Fluminense, nesta quarta-feira, de virada, acabando com o tabu de 12 partidas do Campeonato Brasileiro sem vencer no Maracanã. Os gols foram marcados por César e Roni, para o Tricolor, e Athirson, Zé Carlos, Liédson, Iranildo e Fábio Baiano para o Rubro-negro.

Um grupo de estrangeiros que veio à cidade para o congresso sobre petróleo aproveitou para assistir ao espetáculo. Eles ficaram entusiasmados com a partida.

O Fla x Flu começou movimentado e com a equipe do treinador Renato Gaúcho pressionando o time da Gávea. Tanto que abriu o placar logo aos 2 minutos com o zagueiro César, de cabeça, aproveitando cruzamento de Flávio pela direita.

A equipe de Evaristo de Macedo não se abateu com o gol e partiu em busca do empate. E aos 11 minutos, Athirson chutou cruzado, meio sem jeito, Liédson furou e a bola foi parar no fundo da rede do goleiro Murilo.

O Rubro-negro dominou a partida e sete minutos depois virou o placar para 2×1. Alessandro cruzou pela direita e Zé Carlos cabeceou fraco, no canto direito de Murilo.

O Fluminense estava perdido em campo e só esboçou uma reação aos 30 minutos, mas não levou perigo ao gol de Júlio César.

Na segunda etapa da partida o Tricolor foi para o ataque tentar recuperar o prejuízo, abrindo espaços para os contra-ataques do Flamengo.

Aos 13 minutos, Liédson ampliou a vantagem do clube da Gávea. Fábio Baiano cruzou da direita e o atacante, sozinho na pequena área, tocou para o gol vazio.

Na ânsia de buscar o resultado, o estreante no comando técnico do Fluminense, Renato Gaúcho, colocou o meia Yan e o atacante Roni nos lugares de Marquinhos e Fabinho.

A substituição fez com que o clube de Laranjeiras ficasse mais vulnerável aos ataques do Flamengo. E aos 22 minutos, Zé Carlos tocou para Iranildo, que chutou forte no meio do gol de Murilo, marcando o quarto gol Rubro-negro.

Romário ainda desperdiçou a chance de marcar o seu 100º gol em Campeonatos Brasileiros ao perder um pênalti, aos 31 minutos, chutando a bola no travessão.

Dois minutos depois, Fábio Baiano fechou o caixão Tricolor ao mandar uma bomba, de primeira, no canto esquerdo de Murilo.

Aos 46 minutos, Roni fez o último gol da eletrizante partida, aproveitando falha na defesa do Flamengo. O atacante estava tão abatido com a goleada que nem comemorou.

Com a vitória, o clube da Gávea pulou para o 14º lugar na competição, com nove pontos. Já o Fluminense caiu para a 18º posição. O Flamengo enfrenta o Paraná, no estádio Pinheirão, em Curitiba, e o Tricolor recebe o Figueirense, no Maracanã. Os dois jogos serão no domingo, dia 08/09.

FLAMENGO 5 x 2 FLUMINENSE

Flamengo
Júlio César; Alessandro, André, Fernando (André Bahia) e Athirson; Jorginho, Felipe Mello, Fábio Baiano e Iranildo (Evandro); Zé Carlos (Andrezinho) e Liédson
Técnico: Evaristo de Macedo

Fluminense
Murilo; Flávio, César, Zé Carlos e Marquinhos (Yan); Fabinho (Roni), Marcão, Zada e Fernando Diniz; Magno Alves e Romário
Técnico: Renato Gaúcho

Data: 4/9/2002 (quarta-feira)
Local: Maracanã
Público: 54.639 pagantes
Renda: R$ 514.227
Juiz: Edílson Soares da Silva (RJ)
Cartões amarelos: Zé Carlos (Flu)
Gols: César, aos 2min, Athirson, aos 11min e Zé Carlos, aos 18min do primeiro tempo; Liédson, aos 13min, Iranildo, aos 23min, Fábio Baiano, aos 33min e Roni, aos 46min do segundo tempo