Fiscais do Ibama e do Instituto Chico Mendes sofrem emboscada no Pará

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 28 de março de 2012 as 16:52, por: cdb

Fiscais do Ibama e do Instituto Chico Mendes sofrem emboscada no Pará

Em ação para combater desmatamento ilegal, polícia do estado, que acompanhava os fiscais, trocou tiros com criminosos após a emboscada

Por: Redação da Rede Brasil Atual

Publicado em 28/03/2012, 19:19

Última atualização às 19:19

Tweet

São Paulo — Uma equipe de fiscalização do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e do Instituto brasileiro de Meio Ambiente (Ibama) foram alvos de uma emboscada na manhã de hoje (28). Dois homens mascarados, usando armas automáticas e coletes à prova de bala, cercaram os veículos da equipe, que tiveram de parar no local por causa dos troncos postos na estrada e, logo em seguida, os homens fizeram a abordagem.

Policiais ambientais do Pará, que acompanhavam os fiscais, trocaram tiros com os mascarados, que acabaram fugindo pelo mato. Nenhum dos agentes foi ferido. Há cerca de duas semanas, ICMBio, Ibama e Polícia Ambiental do Pará estão na região para combater desmatamento ilegal. Na terça-feira (27), durante sobrevoo com o helicóptero do instituto, identificou-se um acampamento e uma grande área de floresta derrubada. A equipe que estava a bordo desembarcou próxima ao local para monitorar as ações e o helicóptero retornou à base para buscar apoio terrestre.

Na manhã de hoje, duas caminhonetes com fiscais e policiais seguiam para a localidade quando houve o confronto. Os fiscais que passaram a noite aguardando a equipe de apoio foram resgatados no final desta manhã pelo helicóptero do Ibama.

Não é a primeira vez que fiscais federais enfrentam problemas na região de Cachoeira da Serra. Em 2007, uma equipe do Ibama apreendeu dez caminhões carregados de madeira ilegal e, ao passar pelo distrito, foi cercada por uma população irada com a ação contra os crimes ambientais, comuns naquela região.