FHC reconhece desvalorização do real

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 5 de setembro de 2001 as 17:54, por: cdb

O presidente Fernando Henrique Cardoso admitiu, nesta quarta-feira, que o real está desvalorizado. O reconhecimento quanto à perda de um quarto do valor da moeda, ao longo de dois anos e meio, aconteceu durante solenidade no Palácio do Planalto em que recebeu o primeiro-ministro de Portugal, António Guterres. Nos cálculos de Fernando Henrique, o real perdeu 25% de seu valor em relação ao dólar neste ano.

O presidente, no entanto, lembrou que há alguns anos, cinco francos equivaliam a um dólar e, agora, essa relação é de sete e meio francos para um dólar. Essa desvalorização, segundo ele, não balançou a França.

Para o presidente, até agora a inflação está relativamente sob controle. A previsão era de 4% para este ano, podendo variar dois ponto para cima e para baixo.

– Deve estar no dois a mais, cerca de 6%. Não houve transferência para os preços. A economia não é mais indexada. Não há corrida contra o real – disse Fernando Henrique.

Para ele, na medida em que a crise de energia está sendo bem conduzida e que a situação da Argentina melhorar, a tendência será a valorização do real.