FHC defende candidato próprio do PSDB

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 7 de dezembro de 2001 as 21:51, por: cdb

O presidente nacional do PSDB, deputado federal por São Paulo, José Anibal, afirmou hoje que o partido não abre mão de ter um candidato próprio nas eleições para presidente da República no ano que vem. “O PSDB vai ter o seu candidato”, ressaltou. De acordo com Anibal, o principal defensor da tese de candidato próprio é o presidente Fernando Henrique Cardoso. “O propósito primeiro dele é ter um candidato para ganhar”, disse.

Ele avaliou que a disputa entre os três pré-candidatos do partido é “salutar”, mas deixou transparecer que o candidato da legenda deverá mesmo ser o ministro da Saúde, José Serra. “Não vejo favoritismo, mas alguns têm mais visibilidade, mais presença do que outros”, argumentou. Os outros dois pré-candidatos do partido são o ministro da Educação, Paulo Renato Souza, e o governador do Ceará, Tasso Jereissati.

Anibal disse ainda que a possível candidatura da governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PFL), não deve preocupar o governo, mas “deve preocupar a oposição, porque ela é de um partido da base de sustentação do governo”. Ele acredita que “as dificuldades do PT não são pequenas” e que Luiz Inácio Lula da Silva, pré-candidato desse partido, há mais de 12 anos não consegue superar a casa dos 30% das intenções de voto.

José Anibal participou hoje do almoço anual da Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), onde também estiveram os ministros do Desenvolvimento Indústria e Comércio Sergio Amaral, e o ministro da Ciência e Tecnologia, Ronaldo Sardenberg.