Explosão em quartel mata soldado e fere dois no RJ

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 31 de março de 2004 as 20:56, por: cdb

A explosão de um simulacro de granada provocou uma reação em cadeia matando o soldado do Exército Cosme Teixeira Ferreira e ferindo os soldados Rogério César de Oliveira e Davi Hugo Monteiro da Silva. O acidente aconteceu no Depósito Central de Munição do Exército, em Paracambi, na Região Metropolitana do Rio.

O Comando Militar do Leste abriu inquérito para determinar as causas do acidente. Os simulacros de granada são usados para efeito de instrução da tropa e estavam sendo manipulados quando aconteceu o acidente.

Os militares foram levados para o hospital municipal Adalberto da Graça, no bairro de Lages, em Paracambi, onde receberam os primeiros socorros. Depois, eles foram transferidos para o Hospital Central do Exército, em Triagem, zona norte do Rio.

O estado de saúde do soldado Rogério de Oliveira inspira cuidados. O outro militar, Davi Monteiro da Silva, sofreu ferimentos leves e está fora de perigo.