Explosão em parque industrial deixa três feridos na Baixada Fluminense

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 16 de janeiro de 2007 as 15:27, por: cdb

Três pessoas ficaram feridas durante a explosão de um reator do parque industrial da empresa Bayer, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense. O acidente, que ocorreu pouco depois da meia-noite desta terça-feira, foi provocado, segundo informou a empresa, pelo superaquecimento do tanque Tamaron. O fenômeno elevou a pressão dentro do tanque, que acabou explodindo.

Duas das vítimas, com queimaduras, foram levadas para a Clínica São Vicente, na Gávea, na zona Sul. A terceira vítima, que teve fratura em uma das pernas, foi levada para outro hospital, em Duque de Caxias, também na Baixada.

Com o acidente, o plano de emergência da companhia foi acionado. Equipes do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil, da Polícia Militar e da Fundação Estadual de Engenharia do Meio Ambiente (Feema) seguiram para o local.

O produto químico Tamaron, armazenado no taque que explodiu, é utilizado como agrotóxico. O Secretário de Segurança Pública do município de Belford Roxo, coronel Francisco D´Ambrósio, no entanto, descartou qualquer possibilidade de intoxicação da população ou de riscos ambientais. A empresa informou que após o resfriamento do tanque, os resíduos foram tratados na estação do parque industrial.

De acordo com a companhia, apenas a unidade onde ocorreu a explosão foi interditada. No complexo da Bayer em Belford Roxo funcionam fábricas para a produção de defensivos agrícolas, produtos veterinários e poliuretânicos.