Ex-mulher de seqüestrador fará exame no IML

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado segunda-feira, 13 de novembro de 2006 as 12:17, por: cdb

Na manhã desta segunda-feira, Cristina Ribeiro, ex-mulher do seqüestrador do ônibus 499, compareceu à delegacia de Nova Iguaçu para prestar depoimento acompanhada por parentes.

Cristina caminhava com dificuldades por causa das agressões sofridas durante o seqüestro do ônibus promovido pelo ex-marido André Ribeiro, na última sexta-feira. 

Segundo sua família, ela teve febre durante a madrugada e ainda sente muitas dores pelo corpo. Cristina passou o final de semana na casa de amigos se recuperando do drama vivido.

Durante todo o seqüestro, Cristina ficou com um revólver calibre 38 apontado para a cabeça. Além de prestar depoimento, ela passará por um exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML).

Ela quer estimular outras mulheres vítimas de agressão a denunciar os agressores.