Eurico desaconselha contratação de Felipão a Portugal

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 7 de novembro de 2002 as 15:22, por: cdb

Falando à imprensa portuguesa, o presidente do Vasco Eurico Miranda desaconselhou a contratação de Luiz Felipe Scolari para a seleção de Portugal, o que parece estar cada vez mais próximo de acontecer.

Em entrevista à Rádio Renascença, de Lisboa, Eurico mandou um recado ao pai da idéia, o presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Gilberto Madail, aconselhando-o de forma curta e grossa não contratar Felipão: “Ganha muito, não é português e tem mau feitio”.

O presidente do Vasco, que já ocupou o cargo de diretor de futebol da CBF, não acha boa a idéia de um técnico estrangeiro para comandar a seleção das quinas: “Não recomendo qualquer treinador brasileiro. Portugal tem treinadores competentes que conhecem bem os jogadores e podem estar à frente da seleção”.

Eurico também não quis saber de Felipão, quando foi perguntado se gostaria de te-lo à frente do Vasco: “Não só pelo que ele ganha, mas também pelo conceito. Essa figura do todo-poderoso, aqui no Vasco, nunca tive. Também não adotei esse processo quando estive no comando da Seleção Brasileira”, disse o dirigente, que comandou a Seleção no final da década de 80.

Novela portuguesa

A escolha do novo técnico da seleção portuguesa já está se transformando numa novela, desde a saída do treinador Antônio Oliveira, que comandou Portugal na desastrosa participação na Copa de 2002, onde chegara com pinta de favorito.

A princípio, pensou-se numa solução caseira, mas a pressão por um bom resultado na Eurocopa 2004, que será realizada em Portugal, é altíssima e a FPF, agora, aposta num treinador estrangeiro.