Estudantes da UFF desocupam reitoria após acordo para atendimento de reivindicações

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 6 de setembro de 2011 as 17:30, por: cdb

Da Agência Brasil

Rio de Janeiro – Centenas de universitários que estavam acampados na sede da reitoria da Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói, na região metropolitana do Rio, deixaram hoje(6) o gabinete do reitor, após seis dias de ocupação. A saída dos estudantes ocorreu após a assinatura de documento que garante o atendimento às reivindicações dos estudantes.

De acordo com o representante do Diretório Central dos Estudantes (DCE), Silaedson Júnior, 100% das pautas de reivindicações foram atendidas. Entre elas, a admissão de novos professores e servidores, o fim dos cursos de pós-graduação pagos, melhorias estruturais, assistências estudantis e a suspensão do projeto de construção de vias no Campus do Gragoatá. No documento assinado pelo reitor Roberto Sales, a UFF não cederá terreno para passagem das vias, que, segundo os estudantes, aumentaria o barulho dentro das salas de aulas.

O representante do DCE disse ainda que o reitor garantiu um prazo de 15 a 30 dias para o atendimento das reivindicações. “Foi definido na carta de compromisso que o prazo para a aplicação da nossa pauta de reivindicação é de no máximo um mês. Nós montaremos uma comissão para fiscalizar todas medidas que serão cumpridas”.

Os estudantes estavam acampados desde o dia 31 de agosto na sede da reitoria em barracas e dormitórios improvisados.

 

Edição: Aécio Amado