Estudante dos EUA é acusado de colocar caixas com objetos cortantes em avião

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 21 de outubro de 2003 as 02:07, por: cdb

Autoridades federais acusaram um estudante da Carolina do Norte de crime grave por admitir ter colocado caixas com cortadores e outros itens em jatos da Southwest Airlines que aparentemente não foram descobertos por mais de um mês.

De acordo com uma declaração do FBI, Nathaniel Heatwole, de 20 anos, colocou os objetos cortantes a bordo dos aviões para testar a segurança em aeroportos, mas o procurador dos Estados Unidos Thomas DiBiagio chamou a ação de ‘boba e perigosa’.

Heatwole, um estudante do Guilford College em Greensboro, da  Carolina do Norte, foi acusado de portar uma arma escondida a bordo de uma aeronave. 

Na apresentação de Heatwole na tarde desta segunda-feira (horário local) num tribunal em Baltimore, a juíza Susan Gauvey proibiu o estudante de viajar de avião ou visitar aeroportos enquanto aguarda julgamento. Ele foi ordenado a entregar seu passaporte.

A juíza marcou uma audiência preliminar para o dia 10 de novembro. Se for condenado, Heatwole pode pegar até dez anos de prisão.