Estatuto do Desarmamento será votado na próxima semana

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 16 de outubro de 2003 as 14:14, por: cdb

O presidente da Câmara dos Deputados, João Paulo Cunha (PT-SP), disse nesta quinta-feira que o Estatuto do Desarmamento será votado na próxima semana, após a apreciação de duas medidas provisórias que estão trancando a pauta de votação do plenário. João Paulo já admite a possibilidade de retirar do estatuto a parte que prevê um referendo popular.

Segundo ele, essa decisão pode ser necessária para facilitar a aprovação da lei. “É lógico que é importante consultar o povo, mas, se necessário para a aprovar a lei, retiraremos para não correr o risco de rejeitá-la”, disse João Paulo.

Ele também comentou a decisão do ministro da Fazenda, Antônio Palocci, de assinar o acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI): “O ministro está sinalizando que vai assinar, e eu apoio e acho importante para termos recursos para investimento social e para aquecer a economia”.

Sobre a reforma tributária, o presidente da Câmara reafirmou que haverá tampo para concluir a votação ainda neste ano. “Primeiro, vamos ver o que será aprovado no Senado, talvez haja surpresas. Vamos aguardar”, concluiu.