Estado inicia campanha de vacinação para crianças

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 7 de junho de 2006 as 10:35, por: cdb

A Secretaria de Estado de Saúde realiza neste sábado a primeira etapa da Campanha de Multivacinação para crianças menores de 5 anos. A vacina Sabin, contra a paralisia infantil, será aplicada em 3.500 postos, abertos das 8h às 17h. Outras quatro vacinas serão oferecidas, de acordo com as cadernetas de vacinação das crianças, mas somente nos centros municipais de saúde.

A meta é a imunização de 1.200.720 crianças menores de cinco anos contra a paralisia infantil, o que corresponde a 95% da população dessa faixa etária. Estarão disponíveis 1.750.000 doses da vacina Sabin, fornecidas pelo Ministério da Saúde. A campanha contará com cerca de 20 mil voluntários e 2.250 veículos. Para este ano, o slogan nacional da campanha é Seu filho quer duas gotinhas da sua atenção.

Para o secretário de Estado de Saúde, Gilson Cantarino, é fundamental que os pais e responsáveis levem suas crianças aos postos, com as cadernetas de vacinação. Ele lembra que a aplicação da vacina Sabin continua a ser necessária para evitar a reintrodução da paralisia infantil no Brasil. O último caso registrado no país ocorreu no município de Souza, na Paraíba, em 1989. No Estado do Rio, foi em 1987, em Santa Cruz, no município do Rio.

Nesta primeira etapa da campanha também serão oferecidas as seguintes vacinas:
tetravalente (contra difteria, tétano, coqueluche e haemophilus influenzae B, bactéria que provoca um tipo de meningite que não é a meningocócica), para crianças até seis meses de idade;
contra hepatite B – para as menores de cinco anos que ainda não tomaram as três doses;
tríplice viral (contra sarampo, rubéola e caxumba), para as crianças de um, quatro e cinco anos;
contra o rotavírus – primeira dose para as crianças de dois e três meses e segunda dose para as de quatro e cinco meses.