Esperidião Amin e João Paulo Cunha discutem a reforma eleitoral

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 24 de março de 2011 as 16:35, por: cdb

Se seu navegador não puder executar o áudio, <a href=’http://www2.camara.gov.br/agencia/audios/12ee9c89edd.mp3′ _fcksavedurl=’http://www2.camara.gov.br/agencia/audios/12ee9c89edd.mp3’>obtenha o áudio</a> e salve-o em seu computador. No primeiro bloco do Pinga-Fogo, Esperidião Amin e João Paulo Cunha divergem sobre pontos da legislação eleitoral que precisam de reforma. Se seu navegador não puder executar o áudio, <a href=’http://www2.camara.gov.br/agencia/audios/12ee9c9c533.mp3′ _fcksavedurl=’http://www2.camara.gov.br/agencia/audios/12ee9c9c533.mp3’>obtenha o áudio</a> e salve-o em seu computador. Esperidião Amin e João Paulo Cunha analisam a distribuição de deputados por estados no segundo bloco do programa.

A reforma política possui várias facetas e pontos para análise. Há os que defendem o voto em lista fechada, os que propõem o distritão (que transforma em majoritária a eleição para mandatos legislativos) e aqueles que propõem solução conciliatória. Nesta edição do programa Pinga-Fogo, da Rádio Câmara, os deputados Esperidião Amin (PP-SC)e João Paulo Cunha (PT-SP), discutem várias dessas propostas e ainda falam da distribuição de deputados por estados, alterada no Pacote de Abril nos tempos do presidente Geisel.