Espanha prende 18 por pedofilia; imagens iam para a Internet

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sábado, 12 de fevereiro de 2005 as 13:56, por: cdb

A polícia espanhola quebrou uma rede de pedofilia com a prisão de 18 pessoas acusadas de abusarem sexualmente de crianças e distribuírem as imagens pela Internet, afirmou o ministro do Interior neste sábado.

Foi a primeira vez que a polícia espanhola quebrou uma rede de pedofilia que gravava sua própria pornografia, disse o ministro.

A operação teve início quando uma mãe alertou a polícia após um estranho ter entrado em contato com seu filho de 12 anos pela Internet e oferecido presentes e dinheiro em troca de sexo.

Um homem de 29 anos da província de Murcia foi preso em setembro em um hotel de Madri quando tentava encontrar a criança.

A polícia apreendeu uma grande quantidade de pornografia infantil e dados de contato de outros pedófilos suspeitos, que foram detidos nos dois meses seguintes por possuírem mais material.

As prisões foram feitas em Madri, Barcelona, Badajoz, Valência, Granada, Murcia, Santander, La Coruña e Córdoba.

Em novembro, 90 pessoas foram presas na Espanha por estarem ligadas a uma rede que distribuía pornografia infantil.