Escritórios de partido turco são atingidos por explosões

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 14 de outubro de 2003 as 22:47, por: cdb

Pequenas explosões atingiram vários escritórios do Partido da Justiça e do Desenvolvimento (AKP), atualmente no poder na Turquia, na terça-feira, causando apenas pequenos danos e sem deixar feridos, informou a agência de notícias Anatolian. Acredita-se que pequenas bombas causaram as duas primeiras explosões diante dos escritórios do AKP na cidade portuária de Izmir.

Com as informações prestadas por uma testemunha, a polícia prendeu quatro pessoas que viajavam em um carro. Não há detalhes sobre os suspeitos e não há indicações do motivo das explosões. A Anatolian disse que uma bomba também explodiu em um escritório do AKP em Istambul, danificando algumas janelas. Uma bomba similar explodiu atrás de outro prédio do partido na cidade.

As explosões levaram a polícia a reforçar a segurança em outros prédios do partido. Na capital Ancara, a polícia detonou um pacote suspeito perto da sede do AKP, informou a agência de notícias. Também havia uma bomba no pacote.

O primeiro-ministro Tayyip Erdogan, do AKP, chegou ao poder após as eleições em novembro do ano passado. Seu governo aprovou uma moção no Parlamento para enviar soldados ao Iraque.

Na terça-feira, um carro-bomba explodiu perto da embaixada turca em Bagdá em um suposto ataque suicida, mas Erdogan disse acreditar que a explosão não tinha relação com a decisão do Parlamento turco.