ENFAM recebe visita de diretor da ENM

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 29 de março de 2011 as 13:41, por: cdb

O diretor da Escola Nacional de Magistrados (ENM), o juiz Roberto Bacellar, visitou, nesta terça-feira (29), a sede da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam). Além de conhecer as instalações, a instituição ratificou o desejo de firmar parcerias com a Enfam e confirmou presença no III Encontro de Diretores e Coordenadores Pedagógicos das Escolas de Magistratura, a ser realizado nos próximos dias 7 e 8 de abril, no auditório e salas de aula do Conselho da Justiça Federal (CJF). O ministro Cesar Asfor Rocha, diretor-geral da Enfam, fará a abertura solene do evento, cujo objetivo principal é debater a uniformização da atuação das escolas de magistratura com a proposta pedagógica da Enfam.

Recebido pelo secretário da Enfam, Francisco Paulo Soares Lopes, e pela coordenadora de Ensino da Enfam, Cinthia Barcelos Leitão Fischer, Roberto Bacellar novamente manifestou-se favoravelmente à formalização de um convênio de cooperação técnica entre as duas escolas, objetivando o intercâmbio de experiências institucionais e o desenvolvimento de recursos humanos. De acordo com o dirigente da ENM, o resultado dessse acordo, que poderá ser assinado durante o encontro da semana que vem, será o fortalecimento do Poder Judiciário, através da atualização e formação dos magistrados brasileiros.

O primeiro passo da parceria deve ser a participação de juízes vinculados à ENM nas videoconferências entre a Enfam e a Escola Judicial Edgar Cervantes Villata, da Costa Rica. Sempre com um tema novo, as videoaulas servem de cooperação brasileira com o intercâmbio de conhecimento entre os integrantes da Rede Ibero-Americana de Escolas Judiciais (Riaej) e de capacitação para magistrados. Elas são transmitidas ao vivo, todas as sextas-feiras de abril, maio, junho, agosto, setembro, outubro e novembro, às 18 horas do Brasil.

Também conversaram sobre a possibilidade de Enfam e ENM compartilharem recursos tecnológicos e materiais, promovendo eventos na modalidade presencial e a distância, mediante cessão, elaboração e adaptação de cursos. Além disso, o futuro convênio prevê apoio na realização de cursos e eventos, o desenvolvimento de projetos e eventos de forma conjunta, bem como o compartilhamento de informações, documentos e bases de dados sobre temas de interesse da magistratura.