Em Fortaleza (CE), Coordenadoria de Juventude apresenta programas e ações destinadas aos jovens

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado terça-feira, 28 de fevereiro de 2012 as 14:59, por: cdb

Divulgarentre os/as jovens de Fortaleza, no Ceará, as ações e os programas na cidadedestinados a eles/as. É com essa intenção que a Coordenadoria Especial dePolíticas Públicas de Juventude da Prefeitura Municipal de Fortaleza realiza, apartir desta terça-feira (28), o projeto CoordenadoriaItinerante.

Durantetrês meses, o projeto levará a escolas e bairros de Fortaleza informações sobreemprego, serviços de saúde, cursos de qualificação profissional, espaçospúblicos, entre outras oportunidades destinadas a pessoas entre 15 e 29 anos. Aideia é que a Coordenadoria Itinerante visite dois lugares por semana,totalizando mais de 20 visitas.

AfonsoTiago Nunes de Sousa, secretário municipal da juventude, explica que o objetivoda ação é “levar diretamente aos jovens informações sobre oportunidades,direitos e espaços disponíveis em nossa cidade”. A divulgação é feita atravésde vídeos, fotos e debates.

Deacordo com ele, além dos programas desenvolvidos pela Prefeitura destinados àjuventude – como o Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem Urbano), oCred Jovem Solidário, o Centro Urbano de Cultura, Arte, Ciência e Esporte(Cuca) e as Praças da Juventude -, são divulgadas outras ações que não sãoespecíficas para esse público, mas que também contemplam e interessam a ele,como os Centros de Atenção Psicossocial (Caps) Álcool e Drogas e os balcões deemprego.

Parao secretário da juventude de Fortaleza, a divulgação dos programas entre osjovens é importante porque muitos deles não têm informações sobre asoportunidades. “A informação é um direito da juventude […]. A cidade temmuitos espaços que as pessoas não sabem. O jovem só sabe o que está no bairrodele”, afirma.

Apósdebates e conversas com as juventudes da cidade, o momento agora é de divulgar asiniciativas voltadas para essa parcela da população a fim de que ela seaproprie dessas ações. Segundo Afonso Tiago, os jovens já puderam participar deseis rodadas do Orçamento Participativo para Juventude, de duas ConferênciasMunicipais de Juventude e do Congresso Municipal da Juventude, o qual resultouna elaboração do Plano Municipal da Juventude.

Plano Municipal daJuventude

Construídojuntamente com os jovens a partir de debates na Conferência e no Congresso Municipalde Juventude, o Plano – aprovado no ano passado pela Câmara de Vereadores –apresenta diretrizes e objetivos para a área juvenil durante dez anos.

AfonsoTiago, secretário municipal de juventude, lembra que este é o primeiro ano emque o Plano está em vigor. De acordo com ele, todos os anos, a Prefeituradeverá apresentar ao Conselho Municipal da Juventude as metas para aquele anoe, ao final da década, deverá ter cumprido os objetivos destacados nodocumento. “É importante que os jovens conheçam seus direitos e lutem pelos[objetivos do Plano] que ainda não foram feitos”, reforça.