Edmundo não convence, mas escapa às punições de tribunal

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 30 de março de 2006 as 17:52, por: cdb

Após as declarações de que o Campeonato Paulista já estava “direcionado” em favor do Santos, o atacante Edmundo, do Palmeiras, conseguiu escapar às sanções previstas pela Federação Paulista de Futebol. Animal esclareceu, nesta quinta-feira ao Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) da Federação Paulista que não disse exatamente o que disseram que ele havia dito. O auditores, embora não tenham ficado inteiramente satisfeitos com as respostas, liberaram o jogador de qualquer punição.

– Não vejo irregularidades no que ele disse e por isso devo pedir o arquivamento do processo – avisou Antônio Carlos Meccia, procurador do TJD, após as explicações do atacante.

Segundo o jogador do Palmeiras, o que houve foi “uma interpretação errada” de suas declarações e não perdeu a oportunidade de criticar a imprensa.

– Eu disse apenas que o Santos está direcionado ao título já que tem quatro pontos de vantagem. Foi isso que eu disse e vou dizer sempre. É injusto o massacre que vocês da imprensa fazem comigo. Vocês não têm o direito de exagerar como fazem. Sou tratado como um qualquer por vocês (repórteres) – afirmou

Edmundo também colocou em dúvida a sua permanência no Parque Antarctica.

– Preciso ver se é válido jogar aqui. Sempre desejamos jogar em um time grande, mas algumas vezes me questiono se eu não poderia levar uma vida mais tranquila – concluiu.