Duelo rubro-negro pela Copa dos Campeões

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 17 de julho de 2002 as 14:24, por: cdb

Flamengo e Vitória fazem,hoje, o clássico rubro-negro pelas quartas-de-final da Copa dos Campeões, às 21h45min, em Fortaleza. Caso a partida permaneça no empate, a vaga será decidida nas cobranças de pênaltis. Quem se classificar para as semifinais irá enfrentar o vencedor do jogo Palmeiras x Fluminense.
Campeão do grupo B com 100% de aproveitamento, cinco gols marcados e sem sofrer nenhum na competição, o clube carioca irá manter o mesmo time que venceu o São Caetano, por 1 a 0, no último dia 13/07. Assim, o pentacampeão mundial Juninho jogará mais avançado, ao lado de Liédson. Já o time baiano, que se classificou em segundo do grupo C pelo saldo de gols, conquistando uma vitória, um empate e uma derrota, deverá jogar com três atacantes: o colombiano Aristizábal, Allan Dellon e Leonardo.
Na luta pelo bicampeonato da competição, o Flamengo tem como ponto forte a defesa formada em casa: Júlio César, Alessandro, Fernando e Athirson. Segundo Váldson, contratado recentemente do Botafogo, esse deverá ser o jogo que o time deverá valorizar a posse de bola e jogar com paciência. “Joel Santana é um treinador muito retranqueiro e isso dificulta”, declarou o zagueiro.
Mas se depender do técnico do clube carioca, Lula Pereira, o time não jogará nos contra-ataques. “Vamos entrar em campo correndo os riscos necessários de um time como o Flamengo. Quero evitar uma decisão por pênaltis”, afirmou Lula.
Os desfalques da partida ficam por conta dos atacantes do Vitória André, contundido na panturrilha e de Zé Carlos do Flamengo, que ainda não estreou e continua machucado.

FLAMENGO x VITÓRIA

Data: 17/7/2002 (quarta-feira)
Local: estádio Castelão, em Fortaleza
Horário: 21h40min
Juiz: Edílson Pereira de Carvalho (Fifa-SP)
TV: A TV Globo transmite a partida ao vivo

Flamengo
Júlio César, Alessandro, Váldson, Fernando e Athirson; Jorginho, André Bahia, Felipe Melo e Hugo; Juninho e Liedson
Técnico: Lula Pereira

Vitória
Jean, Maurício, Marcelo Heleno, Eloy e Paulo Rodrigues; Xavier, Fernando e Ramalho; Allan Dellon, Aristizábal e Leonardo
Técnico: Joel Santana