Domingo é dia da Descida Ecológica do Rio Jucu

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 23 de março de 2012 as 07:51, por: cdb

Os interessados em participar do evento que visa o fortalecimento e a conscientização ambiental, por meio da preservação, já podem começar a se preparar. A 23ª edição da Descida Ecológica do Rio Jucu será realizada neste domingo (25) com o tema “Pela Criação da Agência de Água”. Este ano, serão 20 quilômetros de percurso pelo Rio Jucu.

A concentração será na praça da Barra do Jucu com saída a partir das 8 horas em direção a Jucuruaba (antiga fábrica da Antártica), em Viana, de onde será dada a largada, às 10 horas. As inscrições poderão ser feitas nos dois locais de partida. O evento será registrado com fotos e filmagens, que vão servir de base para registro e posteriores estudos.

Pensando na segurança e no bem estar dos participantes, o uso de colete salva-vidas será obrigatório e as embarcações serão acompanhadas pela Capitania dos Portos, Polícia Ambiental, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, que sempre apoiam o evento.

A Descida Ecológica do Rio Jucu é realizada pela Associação Barrense de Canoagem (ABC) e Instituto Ecobacia, com o apoio da Prefeitura de Vila Velha, por meio da Secretaria de Meio Ambiente.

O Rio Jucu é o responsável pelo abastecimento de água de 60% da população da Grande Vitória (Vila Velha, Viana, Cariacica e Vitória). Por isso, a importância de se preservar o recurso natural e conscientizar a população para que o rio não seja ainda mais poluído e assoreado.

O universitário Mateus Faria de Carvalho participa da descida do Rio Jucu desde 2001 e está com boas expectativas para este ano. “Lutamos há muitos anos, levantando a bandeira ecológica, no intuito de mostrar para as pessoas a gravidade do problema de degradação do Rio Jucu. Queremos mais uma vez chamar a atenção de todos e fazer valer o nosso objetivo”, enfatizou Mateus.

Rio Jucu

O Rio Jucu é um rio brasileiro da região sudeste, cuja bacia está totalmente incluída no estado do Espírito Santo. Ele nasce na região serrana do Estado, mais especificamente na região de Pedra Azul, no distrito de Domingos Martins, a 90 quilômetros do mar, e deságua no Oceano Atlântico.

Com uma extensão aproximada de 166 km, sua nascente fica na Serra do Castelo, que é uma ramificação da Serra de Pedra Azul. É um rio com volume médio de água, nos trechos iniciais é rápido e com corredeiras constantes, muito utilizado para a prática de rafting. Seu encontro com o oceano em período de maré alta provoca uma pequena pororoca.

Dentre os principais benefícios trazidos pela bacia do rio, destacam-se a geração de energia elétrica, desenvolvimento industrial, irrigação de lavouras, turismo, pesca e abastecimento de água. Os principais problemas enfrentados pela Bacia do Rio Jucu são assoreamento, esgotos, desmatamento, queimadas, erosão, agrotóxicos e ocupação das margens do rio.

 

Informações à imprensa:

Assessoria de Comunicação Semsu/Semma

Kárita Iana

3149-7926 / 9800-2020