Dólar abre em alta de 0,34%, cotado a R$ 2,873

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 6 de novembro de 2003 as 10:18, por: cdb

O dólar comercial abriu em alta de 0,34% nesta quinta-feira em relação ao fechamento desta quarta-feira , cotado a R$ 2,873 para venda e R$ 2,863 para compra. O novo acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI) pode consolidar a percepção corrente dos investidores de que a melhora que o Brasil atravessa é sustentada. Caso contrário, os recursos financeiros envolvidos na negociação seriam mais elevados.

O fato de o País deixar de sacar a parcela de US$ 8 bilhões que teria direito e ter conseguido uma reprogramação de pagamentos sugere um crédito ainda maior perante a comunidade investidora. Os recursos novos serão de apenas US$ 6 bilhões – o melhor desembolso feito pelo FMI ao Brasil nos acordos recentes.
O fato de as metas do programa serem as mesmas traçadas na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) também sinaliza confiança do credor em relação ao proposto pelo governo. A maior parte do dia no mercado financeiro deve ser dedicada a leitura dos investidores sobre acordo.

Do lado da economia real, os investidores devem repercutir a nova desaceleração dos preços, após o repique verificado em setembro. O IBGE divulgou o Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA) de outubro, que passou de 0,78% em setembro para 0,49% em outubro.

Os analistas estão satisfeitos com o comportamento dos preços em outubro. As primeiras prévias dos índices têm mostrado que o movimento de setembro foi mesmo pontual. Essa percepção abriria espaço para um afrouxamento maior da política monetária, não fosse a resposta que a produção industrial vem mostrando desde setembro.

Nesta quarta-feira, o avanço de 4,3% da produção em setembro sobre agosto surpreendeu o mercado, ao mesmo tempo em que freou as estimativa de juro mais baixo no final do ano. Alguns especialistas estão tentados a rever suas previsões para a Selic, de 17% para 18% após a última reunião do Copom de 2003. A leitura é a de que o BC vai aguardar que a queda do juro promovida ao longo do ano seja totalmente, ou quase, absorvida pela produção.

O dólar comercial chegou ao final dos negócios de quarta-feira praticamente estável. A moeda norte-americana teve leve alta de 0,06% em relação ao fechamento de terça, cotada a R$ 2,862 para compra e a R$ 2,864 para venda.