Dívida pública cresce e supera patamar de R$ 950 bilhões

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 15 de dezembro de 2005 as 12:14, por: cdb

A dívida pública interna em títulos cresceu 2,4% em novembro frente ao mês anterior, atingindo R$ 959,5 bilhões, como resultado da emissão líquida de R$ 9,9 bilhões em títulos e da apropriação de juros, informaram nesta quinta-feira Tesouro Nacional e Banco Central. A parcela de papéis atrelados ao câmbio, incluindo os contratos de swap cambial, caiu para 3,28% do total, ante 3,78% em outubro.

A parcela de papéis prefixados, considerados os mais adequados para o gerenciamento da dívida, subiu para 26,88%, frente a 24,48% no mês anterior. A participação dos papéis corrigidos pela Selic cedeu para 53,21% do total, frente a 55,68% em outubro. O prazo médio das emissões caiu para 24,8 meses, ante 29,9 meses em outubro, por conta do aumento da participação dos títulos prefixados.

O prazo médio do estoque passou para 27,2 meses, frente a 27,5 meses.