Dívida líquida do setor público sobe para 53,6% do PIB

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 27 de junho de 2003 as 12:40, por: cdb

A dívida líquida do setor público subiu para R$ 858,4 bilhões em maio. O acréscimo foi de R$ 18,6 bilhões em relação ao mês de abril. E passou de 52,1% do PIB (Produto Interno Bruto) para 53,6%. Segundo o chefe do Departamento Econômico do Banco Central, Altamir Lopes, este crescimento se deve aos ajustes decorrentes da variação cambial, de R$ 8,8 bilhões, dos quais R$ 6,3 bilhões referentes ao impacto do câmbio sobre a dívida externa e R$ 2,5 bilhões, sobre a dívida interna.

Em maio, a dívida mobiliária federal (em títulos públicos) em poder do mercado cresceu R$ 16,4 bilhões (2,5%) em relação ao mês anterior e fechou em R$ 660,8 bilhões. Os motivos para esse resultado foram as emissões líquidas de R$ 3,2 bilhões, a depreciação do Real em relação ao dólar, de 2,6%, e a incorporação de juros à dívida mobiliária.