Disque Denúncia oferece recompensa por suspeito de matar dançarino

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 13 de agosto de 2015 as 13:42, por: cdb

Por Redação, com agências – do Rio de Janeiro:

O Disque Denúncia ofereceu recompensa de R$ 1 mil por informações que levem à prisão de André Luís dos Santos Vieira, o André Chupeta, de 19 anos, acusado de ter matado o produtor cultural e dançarino Adriano da Silva Pereira.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito matou o dançarino por motivações homofóbicas
De acordo com a Polícia Civil, o suspeito matou o dançarino por motivações homofóbicas

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito matou o dançarino por motivações homofóbicas. Segundo o delegado da Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) Fábio Cardoso, André encontrou Adriano na porta de uma casa de festas em Nova Iguaçu na noite de 5 de julho e fez amizade com a vítima. Após a conversa, os dois combinaram de ir a uma festa em outro bairro da cidade, e Adriano foi de carro com André e mais dois amigos.

Amigos do suspeito relataram à polícia, que André tinha flertado com Adriano durante o caminho, ao desembarcarem do carro, André segurou o dançarino pelos cabelos e deu uma joelhada no rosto. Após a primeira agressão, Adriano foi golpeado com socos e teria perguntado, antes de desmaiar: “O que eu fiz para você?”.

Após retornar para o carro, o suspeito encontrou uma chave de fenda e voltou para golpear o dançarino no pescoço e no tórax. Na maçaneta do carro, que pertence aos pais de André, os policiais encontram vestígios de sangue durante a perícia.

Foi expedido um mandado de prisão temporária pela 4ª Vara Criminal de Nova Iguaçu, contra o suspeito . Ele está foragido. Informações sobre o paradeiro de André Chupeta podem ser enviadas ao Disque Denúncia pelo telefone 2253-1177 ou pelo WhatsApp do Portal dos Procurados (21) 96802-1650. O anonimato é garantido.