Diplomatas do EUA conversam com desertor da Coréia do Norte

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 30 de outubro de 2003 as 02:27, por: cdb

Diplomatas norte-americanos conversaram na última quarta-feira com Hwang Jang-Yop, o mais alto funcionário norte-coreano que desertou seu país para viver na Coréia do Sul, em busca de informações sobre o fechado regime stalinista de Pyongyang, disse à imprensa o porta-voz do departamento americano de Estado, Richard Boucher.

Hwang se reuniu com o representante americano encarregado da Ásia, James Kelly, e com um assessor do subsecretário de Estado para o Controle de Armas, John Bolton.
 
– É uma oportunidade de falar com alguém que tem uma experiência de primeira mão com o regime da Coréia do Norte e com o que acontece lá. Isso se soma ao nosso conhecimento sobre a situação da península – falou Boucher.

Hwang, ex-secretário do Partido dos Trabalhadores da Coréia do Norte, ficará 10 dias nos Estados Unidos e tem encontros marcados com legisladores e funcionários. Esta é sua primeira viagem ao exterior desde que chegou à Coréia do Sul, em 1997.

Hwang é o arquiteto da ideologia norte-coreana da ‘Juche’ (auto-suficiência), e desde sua deserção é um forte crítico do líder norte-coreano, Kim Jong-Il, e seu regime. A visita acontece em um momento de grande tensão gerado pelo programa nuclear da Coréia do Norte.