Dilma Rousseff garante acabar com impunidade de postos e distribuidoras

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quarta-feira, 28 de maio de 2003 as 18:09, por: cdb

A impunidade dos postos e distribuidoras que não repassam as reduções de preços dos combustíveis vai acabar. A afirmação é da ministra de Minas e Energia, Dilma Rousseff, que garantiu o uso de todos os recursos disponíveis para combater essa prática, inclusive uma fiscalização rigorosa.

Segundo Dilma, a fiscalização é atribuição da Agência Nacional do Petróleo (ANP), que tem base legal para essas ações.

– Estamos definindo uma metodologia de rastreabilidade que permitirá definir exatamente as distribuidoras e postos que estão se apropriando indevidamente das margens de redução de preço dos combustíveis – destacou.

Outra medida do ministério será divulgar preços “teóricos”, ou seja os preços médios de combustíveis para cada estado. Segundo a ministra, os estados do Nordeste têm apresentado os menores índices de redução de preço e devem ser o primeiro alvo da fiscalização.