Dilma afirma que BNDES pode apoiar recuperação da Varig

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado quinta-feira, 27 de abril de 2006 as 11:26, por: cdb

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, afirmou que a solução para a crise financeira da Varig “está delimitada na Lei de Recuperação Judicial”, a chamada Lei de Falências. Segundo a ministra, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) “pode emprestar dinheiro a grupos que queiram assumir a companhia, mas se estiverem também em situação regular dentro da legislação brasileira”.

Em entrevista durante o lançamento do livro do senador Aloizio Mercadante, no Centro Cultural Banco do Brasil, a ministra acrescentou:

– Ninguém empresta dinheiro sem garantia, porque não seria emprestar, seria dar.

Dilma Rousseff explicou que “não há nenhuma autorização prevista em lei para que se deva dar dinheiro a uma empresa em dificuldade – e fazer isso seria burlar a lei vigente”. O governo, segundo ela, está preocupado se a recuperação financeira da Varig beneficiará seus funcionários, mantendo o maior número possível de empregos, e atenderá também ao governo, como credor, e aos consumidores, operando com eficiência.

Depois de lembrar que o ministro da Defesa, Waldir Pires, é quem está tratando do assunto, Dilma Rousseff disse entender que uma empresa só pode operar na aviação civil se estiver em situação de regularidade. E destacou que não cabe ao governo federal indicar uma empresa para assumir a Varig.